Se você é louco por queijo, deveria conhecer uma Racletteria: a promessa do inverno 2015.

raclette-queijo-com-sotaque-01-superchefs

O inverno 2015 anuncia uma nova mania. O frio suíço e o queijo raclette – nome que deriva do termo francês “racler” que significa raspar. Um queijo de derretimento sem igual. Dizem que batata cozida é a companheira ideal. Mas são aceitáveis outros pares românticos: embutidos, legumes, carnes, linguiças, tiras de bacon, mas dizem que com cebola em conserva fica de outro mundo. A racletteira elétrica tem dois andares. No primeiro, os acompanhantes ficam na chapa que mantém a quentura, no térreo, pazinhas de teflon que derretem o queijo. Confira 5 lugares em Sâo Paulo para saborear uma autêntica raclette:

Florina

f_am_raclete florina

Um dos poucos cantinhos de comida suíça em SP. Oferece duas opções de raclette. A tradicional (R$ 94,00) vem com queijo raclette, batatas cozidas, pepino misturado com cebola em conserva e laticínios suíços, como viande des grisons e landjäger. A segunda opção, a “rústica”, é composta por salsichas para grelhar à mesa, no mesmo aparelho que derrete o queijo (R$ 90,00). Ambos os itens servem duas pessoas.

Rua Cristóvão Pereira, 1220 – Campo Belo

Era uma vez um chalezinho

chalezinho

O ambiente é todo feito para romances no friozinho, e durante a temporada invernal, oferece raclette a R$ 119,90 por pessoa. Inclui queijos nobres, batatas, brócolis, tomates, presunto cru, patês, pães e minisalsichas.

Rua Itapimirum, 11 – Morumbi,

Bistrô de Paris

LES FONDUES ET GUILLAUME GALLIENNE, A TABLE !

Ambiente ao ar livre, dentro de uma vilinha na Rua Augusta, o barato nele é que no frio, eles oferecem mantinhas e aquecimento-ambiente. Nele, a raclette é acompanhada de batatinhas cozidas, tábua de frios com presunto de Parma, peito de peru, salame, chorizo, mortadela, lombo e copa, pepino e cebola em conserva, baguete, maionese e mostarda de Dijon. Custa R$ 85,00 por pessoa.

Rua Augusta, 2542, loja 12 – Cerqueira César,

 Ziláh Gourmet

buffet de raclette zillah

A receita é novidade no restaurante localizado nos Jardins e comandado pelo chef da Irlanda Andrew Lewis, e será servido somente às sextas e sábados, até 28 de Agosto por R$ 58,00.

Alameda Franca, 1621/1633, no Jardim Paulista,

Raclete

images (1)

Loja especializada em materiais autênticos relacionados ao preparo de raclette. Vendem o equipamento de mesa, queijos raclettes nacionais e importados, o incomparável queijo Tetê de moine, e também faz a montagem de ilhas gourmet.

Rua Fradique Coutinho 1002 – Vila Madalena

 

Bola da Índia: receitas que roubei de livrarias

padarias_f_004

Tempo de preparo: 40 minutos
Ingredientes (massa):
6 ovos
1 e ½ xícara (chá) de açúcar refinado
100g de manteiga
1 e ½ xícara (chá) de farinha de rosca
1 colher (chá) fermento em pó
1 colher (café) canela em pó

Modo de Preparo:
1. Separe as gemas das claras.
2. Bata as claras em neve e reserve.
3. Em seguida, bata as gemas com o açúcar e a manteiga até virar um creme.
4. Misture a farinha de rosca, a canela e o fermento em pó e deixe bater bem.
5. Por último, adicione as claras em neve e misture suavemente.
6. Coloque a massa em uma assadeira untada com farinha.
7. Leve para assar em forno pré-aquecido a 180ºC por aproximadamente 20 minutos ou até que a massa esteja dourada e assada por dentro.

Ingredientes (recheio):
1 lata de leite condensado (350g)
2 gemas
30g de margarina
½ xícara (chá) leite

Modo de Preparo:
1. Coloque todos os ingredientes em uma panela, misture bem e leve ao fogo brando, mexendo sem parar até atingir ponto de brigadeiro mole.

Montagem:
1. Depois do bolo assado e frio, corte a massa ao meio e recheie.
2. Coloque a segunda parte do bolo e cubra com o recheio.
3. Polvilhe canela em pó.
4. Está pronto! É só servir.

 

a irresistível batata frita “crisscut” do Carl’s

Você já deve saber que abriu um Carl’s por aqui, certo? Tem no Shopping Villa Lobos em São Paulo, fica na Praça de alimentação. O que você talvez ainda não tenha descoberto é a maravilhosa batata frita que eles vendem. Ela tem um formato de jogo da velha, é bem temperadinha, robusta, possui um purezinho dentro, tem aquele picante agradável, inclusive para os não chegados em pimenta. A batata frita “Crisscut” lembra muito a batata em espiral do Arby’s, aquela rede de hambúrgueres feitos com rosbife que não existe mais no Brasil, alguém lembra desse Fast-food?

 

A Crisscut <3

C_CrissCutFries_Menu

A batata espiral do Arby’s <3

arby's

 

Vai lá provar e me conta!

Pizza de portinha – Favoritei em Curitiba

1525000_542281175861111_431977979_n

no numero 289 da Rua Trajano Reis – a Augusta curitibana – existe uma portinha que abre de terça a sábado, e nos oferece uma pizza assimétrica que se reveza no sabor a cada fornada. Tem marguerita, abobrinha, e a massa tem um gostinho caseiro e notas vindas da lenha do forno.

os pizzaiolos são estilosos assim como a clientela alternativa que vai do quadriculado ao batom fatal.

mas o grande diferencial desse lugar são os sucos integrais de uva,  nas versões  branco, rose e tinto. deliciosos pra acompanhar cada mordida. não percam!

Ei galera das comidinhas, que tal provar uma paleta mexicana? Em 2014 só vai dar ela, a prima do picolé!

picoles-recehados-1

Eu já provei: é tipo um picolé, só que mais encorpado, menos artificial, mais saboroso e claro, mais caro.

Em 2012 as manias gourmet eram o recheio de bicho de pé em ovos de pascoa e na ala salgada a manteiga “Aviação” também virou grife.

Em 2013, as casas que vendem exclusivamente bolos caseiros -estilo formigueiro- se multiplicaram por aí, e entre as manias salgadas foi a vez do Cream-cheese Philadelphia invadir as bordas recheadas das pizzas e bater de frente com o Catupiry.

Em 2014 a paleta promete ser item obrigatório pro calor, ou mesmo pra curtir points descolados. O sabor mais interessante dentre os degustados por mim é o de morango com leite-condensado. O leite condensado do recheio vem em forma original,escorrendo, e por fora o morango textura-picolé da um contraste azedinho.

A franquia Los Paleteros, por exemplo, já tem filiais em São Paulo, Santos, Rio de Janeiro e Curitiba.

confira no site os endereços e divirta-se.

Bolo de rolo pernambucano: receitas que eu roubei de livrarias.

bolo_de_rolo

Ingredientes

250g de manteiga
250g de açúcar
250g de farinha de trigo
5 gemas
5 claras em neve
Recheio:
400g de doce de goiaba
1/2 xícara de água
1/2 xícara de açúcar

Como Fazer

Bata a manteiga com o açúcar até ficar um creme branco.
Acrescente as gemas uma a uma, peneiradas, sem parar de bater.
Junte o trigo aos poucos, misturando delicadamente com uma espátula.
Bata as claras em neve e misture de baixo para cima, delicadamente.
Use uma assadeira grande, retangular, untada e polvilhada.
Coloque colheradas da massa e forme uma camada bem fina.
Leve aos forno quente, por alguns minutos, para não ressecar e quebrar.
Desenforme sobre papel manteiga, polvilhado com açúcar.
Passe uma camada fina do doce e enrole com ajuda do papel.
Repita o mesmo processo e vá enrolando um sobre o outro, até acabar a massa.
Recheio:
Bata no liquidificador o doce, o açúcar e a água.
Leve ao fogo mexendo até ficar consistente.
Deixe esfriar.

Pão delícia: receitas que eu roubei de livrarias.

2tt

Se você não conhece eu já te adianto, esse é o pãozinho mais delicioso do planeta. Ele é originalmente baiano, possui um gostinho de queijo parmesão, e desmancha na boca, isso é uma promessa.

Com vocês. o ~Pão delicia~

  • INGREDIENTES

    • Tempo de preparo: 1h 25min
    • Rendimento: 45 porções
    • 6 colheres de açúcar
    • 2 ovos
    • 1 colher de oléo
    • 125 g de margarina (uso a qualy)
    • 2 xícaras de leite morno
    • 1/2 colher de sopa de sal
    • 50 g de queijo parmesão ralado
    • 700 g de farinha de trigo
    • 2 pacotes de fermento seco biológico
    MODO DE PREPARO
    1. Coloque os ingredientes na máquina e selecione o ciclo amassar, não deixe o clico completar porque a massa cresce muito e derrama, deixe por 40 minutos
    2. A massa fica mole, então precisa melar bem a mão no óleo para conseguir modelar,
    3. o pão fica maravilhoso, derrete na boca
    4. Modele e coloque na assadeira já untada, após concluir toda a massa deixe descansar por mais 30 minutos e pode assar em forno médio
    5. Quando tirar do forno passar manteiga e polvilhar com queijo ralado.

    Por Eliane Guedes Soares.

Papo de anjo, o melhor doce do mundo: receitas que eu roubei de livrarias.

papo-de-anjo

Ingredientes da massa:
20 gemas
2 colheres (sopa) de farinha de trigo

Ingredientes da calda:
1 kg de açúcar refinado
1 e ½ litros de água
casca de 1 laranja
2 paus de canela

Modo de Preparar:

Bata as gemas na batedeira até obter uma mistura cremosa e clara. Mais ou menos 20 minutos. Acrescente a farinha de trigo peneirada.

Leve para assar em forminhas pequenas (tipo empada), untadas com manteiga,  forno 180°, sem deixar dourar muito.
Misture o açúcar com a água em uma panela, leve ao fogo sem mexer, com a casca de  laranja e a canela e deixe dar o ponto de fio brando.
Desenforme os bolinhos, fure com um palito e coloque-os na calda quente. Leve ao fogo novamente por uns 3 minutos, para dar brilho e transparência. Escorra-os, e deixe na geladeira até a hora de servir.

receita da blogueira Ana Marisa Fonzar

Paulistano, que tal algumas casas que vendem exclusivamente bolos caseiros? Em São Paulo tem!

A onda paulistana em 2014 no quesito “comidinhas” foi a das casas que vendem exclusivamente bolos caseiros. Bolos que lembram avós, chácaras, infancias. Bolos de milho, de fuba cremoso, bolo formigueiro.  Bolos que você só pode levar se forem inteiros.

Bolo que a mãe fala que vai dar dor de barriga se comer quente e a gente come mesmo assim.

No Bonfiglioli tem o “Bolo caseiro da vovó” : o de limão com massa de iogurte é macio, desmancha, azeda com doçura, não perca. Rua comendador Alberto Bonfiglioli, 513 Jardim Bonfiglioli – SP – Fone : 3731 – 6557

untitltwed

Na Vila Mariana tem a “ casa de bolos”, Av. 11 de Junho, 760 – Vila Clementino – São Paulo/SP -Fone: (11) 5083-5998 / dizem que por lá o bolo de fubá não é só um bolo, é uma ocasião pra juntar gente querida com café e ele, o bolo, macio e fofo.

untitlgtthed

Em Pinheiros tem um casarão rosa que inaugurou a febre toda: oferece  16 sabores de bolos feitos com receitas geracionais familiares. O de milho por exemplo é feito com o ingrediente raspado direto da espiga. Fica na Rua Padre Carvalho, 103 Pinheiros- SP- Fone 2857-4857

untit6u57led

 

 

Paulistano, que tal uma padaria sem glúten, sem ovo, sem leite, sem substâncias químicas? Em São Paulo tem!

uthntitled

A padaria “Sabor e Saúde” aprendeu a fazer mágica: produz delícias sem glúten, leite, soja, açúcar, e substâncias químicas.

Dentre o itens que servem de matéria-prima substituta temos óleo de palma orgânico, ovos pasteurizados desidratados, frutose, farinha de banana verde, farinha de grão de bico, amaranto, quinúa, linhaça dourada, açaí em pó, gergelim integral, semente de girassol, semente de abóbora, ervas de Provence, cacau, canela em pó, cravo em pó, castanha do Pará, entre outros.

Os produtos vão de bolos até salgados como Coxinha de frango (sem ovo), esfiha de carne, pastel assado de escarola, empada de palmito com creme de abóbora, empada de frango, etc.

Fica na : Av. Fagundes Filho, 936 – Vila Monte Alegre – São Paulo/SP – fone: (11)2872-0500